ENGENHARIA BIOMÉDICA

INSCREVA-SE NO VEST

O CURSO


  • Tipo de curso: Presencial

  • Tipo de formação: Bacharelado

  • Vagas: 50 noturnas

  • Carga horária: 3.960h

  • Duração: 5 anos

Campus UCL Manguinhos
Portaria Nº 279, de 19 de dezembro de 2012

A Engenharia Biomédica surgiu como curso de graduação há poucos anos e  já assumiu um lugar de destaque dentre os cursos de Engenharia, tendo em vista a grande necessidade de utilizar a tecnologia em prol da Medicina, buscando soluções eficazes nos diagnósticos e na prevenção de problemas de saúde.

O trabalho de um arquiteto é planejar espaços que vão desde o cômodo de uma casa até cidades inteiras.

A Arquitetura tem a ver com arte, design, estética, construção e engenharia.

COORDENADOR

Draurio Girão

Gerente de Engenharia Hospitalar, com formação em Análise de Sistema pela Faculdade Anglo-Americano do RJ e em Engenharia de Produção; Pós-graduação em Engenharia de Manutenção, onde fiz jus ao título de Especialista, e MBA em Gestão Empresarial.
Atuei em várias empresas nacionais de porte nas áreas de Engenharia de Projetos, Informática e Desenvolvimento de Aplicativos e Gestão, a mais de 12 anos trabalhando na área hospitalar como responsável pela Manutenção Predial, novos Projetos, Manutenção Biomédica e por Obras e Reformas, incluindo a gestão pela obra de ampliação do hospital em que atuo na abertura de mais 250 leitos de internação, elevado o hospital para 500 leitos de internação sendo 110 leitos de alta complexidade.
Ao longo de minha carreira tive a oportunidade de transferir meus conhecimentos ministrando aulas em faculdades particulares em cursos como Administração e Marketing e atualmente sou Coordenador/Professor no curso de Engenharia Biomédica da Faculdade UCL e Professor de Pós-graduação curso de Engenharia e Manutenção Hospitalar.

ENTRE EM CONTATO

COORDENADORA ADJUNTA

Karla Loyola de Oliveira Arantes

Graduada em medicina pela Universidade Federal do Espírito Santo,   Residência Médica em Pediatria no Hospital Infantil Nossa Senhora da Glória( HINSG)  e especialista em Pediatria pela Sociedade Brasileira de Pediatria; mestre em Pediatria e Saúde da Criança pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul.
Preceptora da Residência Médica de Pediatria do HISNG desde 2006.
Fez parte da elaboração do Projeto Pedagógico do  Curso de Engenharia Biomédica juntamente com o coordenador Fransergio Leite da Cunha, contribuindo sobretudo para os conteúdos , bibliografias e laboratórios relacionados às disciplinas da área de ciências biológicas. Após início da oferta do curso em 2013, foi efetivada como coordenadora adjunta do curso, posto que ocupa até o momento.
Ministra as disciplinas Anatomia, Fisiologia, Biologia celular  e Bioética no curso de Engenharia Biomédica.

 

ENTRE EM CONTATO
KARLA LOYOLA DE OLIVEIRA ARANTES
KARLA LOYOLA DE OLIVEIRA ARANTES

Coordenadora Adjunta

MERCADO DE TRABALHO

Em relação à atuação do profissional formado em Engenharia Biomédica no Brasil, existem boas perspectivas, já que este ramo da Engenharia ainda é novo no País: A primeira turma se formou em 2005. Segundo o Professor Airton Martin, “está em discussão no Congresso Nacional uma lei que obriga todos os hospitais a contratar pelo menos um engenheiro biomédico. Muitos hospitais já estão se preparando para essa obrigatoriedade, aumentando a demanda por esse especialista”.

Nas clínicas e hospitais o Engenheiro Biomédico é contratado (como funcionário ou prestador de serviço) para gerenciar e/ou efetuar a manutenção corretiva, preventiva e preditiva de equipamentos odonto-médico-hospitalares, ou para o projeto de melhorias em tais equipamentos. Já na indústria, este engenheiro é designado para projeto e desenvolvimento de novos produtos, equipamentos, metodologias e também para realizar consultoria nesta área.

Além da atuação como empregado ou empresário do setor, o Engenheiro também pode trabalhar com pesquisa, atuando em Instituições de Ensino Superior, Institutos de Pesquisa ou em algumas Empresas que realizam Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação para esta área.

No Brasil os estados com maior quantidade de postos de trabalho para o Engenheiro Biomédico incluem São Paulo, Minas Gerais e Pernambuco. Registra-se também a possibilidade de oportunidades em estados como Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Bahia, além do próprio Espírito Santo.

PERFIL DO CURSO

A Faculdade UCL pretende formar Engenheiros Biomédicos visando conjugar a tecnologia de projeto, transformação, fabricação e manutenção, com as capacidades de gestão naturais das Engenharias. Esta união justifica-se dada a grande demanda do mercado de profissionais habilitados ao processo de decisão. Além das disciplinas de caráter geral e da Engenharia Biomédica o engenheiro biomédico é habilitado ao gerenciamento de empresas ou setores de ambientes médico/odonto-hospitalares e à tomada de decisão, abordando aspectos das seguintes áreas:

Gerência da Produção

Abordando as questões relativas aos sistemas de informação da empresa ou de setores específicos dentro de uma clínica ou hospital, seus métodos matemáticos de tomada de decisão, analisando o processo de transformação de matérias primas em produtos e gerenciando o sistema como um todo.

Economia e Finanças

Tratando da tomada de decisões sob o ponto de vista econômico, abordando questões como teorias econômicas; custos e contabilidade; análise comparativa de financiamentos e da relação custo/benefício.

Organização do Trabalho

Analisando a evolução e constituição organizacional das empresas e os mecanismos de intervenção, bem como as relações de trabalho e automação.

Engenharia do Trabalho

Onde se abordam questões como a criação de um produto, o projeto de fabricação e as condições de trabalho.

Com tal formação o engenheiro biomédico se tornará um profissional que apresentará tanto habilidades tecnológicas quanto gerenciais, diferenciando-se das engenharias tradicionais. O curso é oferecido em dez semestres letivos, e o seu currículo inclui disciplinas de formação básica e formação geral, comuns a todas as engenharias, e disciplinas de formação profissional. Outras disciplinas se somam a essas, visando propiciar ao futuro profissional uma visão abrangente do ambiente em que vive, que o leve a analisar as conseqüências de sua atividade sob a ótica político/social.

MATRIZ CURRICULAR

VISUALIZAR O CURRÍCULO DO CURSO

MENSALIDADES E BOLSAS

Para efeito de pagamento da anuidade os cursos são divididos em semestres letivos, sendo o valor de cada semestralidade dividido em seis parcelas da seguinte forma:

  • de janeiro a junho no primeiro semestre;
  • de julho a dezembro no segundo semestre.

A primeira parcela será paga no ato da matrícula e as demais até o dia 05 de cada mês.
A UCL oferece alternativas de descontos nas semestralidades, conforme as possibilidades seguintes:

Redução do número de disciplinas no semestre letivo

A matrícula em um número de disciplinas inferior ao sugerido na estrutura curricular é permitida para todos os cursos. Esta opção promove redução no valor da semestralidade e a possibilidade de maior rendimento acadêmico para quem tem pouca disponibilidade de tempo para os estudos, porém aumenta o tempo de duração do curso.

Bolsas de atividades acadêmicas, de pesquisa ou monitoria

Descontos sob forma de bolsa poderão ser concedidos a alunos que participam de projetos de pesquisa, monitorias ou executam atividades de interesse institucional.

Financiamento Estudantil (FIES)

A UCL está credenciada como participante do FIES, plano de financiamento estudantil do governo federal através da Caixa Econômica, com 100% do valor da mensalidade e com regras ditadas pelo próprio MEC. As regras deste financiamento estão disponíveis na internet no endereço www.mec.gov.br

ÚLTIMAS NOTÍCIAS